Escultor Xico Stockinger na telona

Stockinger_credito Jean Schwarz

Artista austríaco naturalizado brasileiro conta a sua história

 

Shakespeare (1564-1616) escreveu em ‘Hamlet’ que destino e vontade são adversos e, assim, os nossos planos com frequência são perdidos. Foi o que ocorreu com o sonho do austríaco naturalizado brasileiro Francisco Stockinger (1919-2009) de ser piloto de avião, plano não concretizado. Stockinger, no entanto, alçou altos e longos voos nas artes plásticas, sobretudo como escultor, desenvolvendo uma sólida carreira.

Primeiro trabalho da Pironauta Produtora, o recém-lançado documentário ‘Xico Stockinger’ (Brasil, 2012, 86′), longa-metragem de estreia do diretor Frederico Mendina, é pilotado pelo próprio escultor. A maioria das cenas traz Stockinger contando sua própria história: as gravações ocorreram nos últimos anos de vida do artista, entre 2007 e 2009.

No longa-metragem, há também declarações de Paulo Herkenhoff (curador do recém-inaugurado museu carioca MAR – Museu de Arte do Rio) e José Francisco Alves (curador do MARGS – Museu de Arte do Rio Grande do Sul e autor do livro ‘Stockinger – Vida e Obra’, lançado em março de 2012).

Além de explorar a carreira artística de Stockinger, que migrou para o Brasil após a Primeira Guerra Mundial, o filme cruza a trajetória dele com fatos históricos. Ainda aborda a atuação dele como gestor cultural (ele dirigiu o MARGS) e como ilustrador na imprensa. O documentário traz também cenas antigas, depoimentos de pessoas que conviveram com Stockinger.

Com roteiro e produção também assinados por Mendina, o longa-metragem foi premiado como melhor fotografia na 40ª edição do Curta Amazônia e selecionado para o Festival de Cinema de Gramado (RS; 2012), para a mostra do Prêmio ABC (SP) e para o Festival Íbero-Americano de Cinema e Vídeo Cinesul (RS).

Em São Paulo, o filme estreou na sexta-feira passada (20/09/2013) no Espaço Itaú de Cinema do Frei Caneca Shopping (Rua Frei Caneca, 569, 3º Piso, tel. 11 3472-2365, http://www.itaucinemas.com.br), onde fica em cartaz até a próxima quinta-feira (26/09/2013). As sessões, às 18h10, têm ingressos a R$ 20 (hoje e quinta; dias 24 e 26/09/2013) e a R$18 (amanhã; dia 25/09/2013). No site http://www.pironauta.com.br/xicostockinger há mais informações sobre o filme.

Além de realizar diversas mostras individuais e participar de coletivas, Stockinger criou cerca de 20 obras para espaços públicos. A maioria fica em Porto Alegre (RS), cidade onde o artista viveu durante décadas. Em São Paulo, ele tem uma escultura na Praça da Sé, inaugurada em 1979 junto à remodelação da praça ocorrida com a construção da estação Sé do Metrô.

|

Texto de Everaldo Fioravante publicado em 24/09/2013 no jornal ‘Metrô News’ ( www.metronews.com.br ).

Foto: Jean Schwarz

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s